Segunda-feira, 24 de Fevereiro de 2014

Cheira a Paris no coração de Lisboa

 

 

Começo a semana, com um lugar que conhecemos este fim-de-semana. Até o momento, é um segredo bem guardado. Mas não há de ser por muito tempo. Na semana passada a Stef, a mesma francesa que tinha a Boulangerie by Stef na Baixa, fechou portas ao passado que não era o que sonhava e abriu-as em formato perfeição, ali para os lados das Janelas Verdes. Uma croissanteria, que é também boulangerie, que é também atelier de aulas, e que vai também fazer brunchs, almoços e até piqueniques de encomenda. Como se os argumentos não bastassem, o espaço é lindo, a cozinha aberta dá vontade de entrar e o cheirinho a croissants saídos do forno derrubam qualquer eventual resistência. Ali é um pouco a casa da avó com a nossa sala de estar, com quadros de ardósia por todo o lado e pormenores deliciosos na decoração. Se isto não basta para vos tentar, saibam ainda que em cima de todas as mesas está o trunfo fatal: potes de nutella para self-service. Os croissants estavam estaladiços, ainda quentes, o capuccino estava perfeito em temperatura, apresentação e textura, mas a Nutella misturada com o fumegar do dito cujo…oh la la!!! Coisa para se bater palminhas de pé e pedir encore. Long live L’atelier.

 

Texto Le Cool | Imagens tiradas com o telemóvel

publicado por oceanosemfundo às 11:33

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 29 de Janeiro de 2014

Uma tarde de Inverno

 

E um chá quentinho, acompanhado de uma tarte maravilhosa. Em Sintra. Porque se ontem ansiava pelos dias de Verão, hoje reconheço que as tardes de Inverno podem ter agora um outro aconchego. No meio da chuva e do orvalho, do nevoeiro e do cheiro a terra húmida, Sintra parece-me sempre o retrato perfeito para um lanche de Inverno. E assim fica a sugestão, a do Café Saudade, mesmo na vila. O espaço está cheio de pequenos detalhes que nos fazem regressar ao passado, o balcão logo à entrada que faz lembrar as mercearias do antigamente, os corredores e as salas com tectos oitocentistas, as mesas de pedra.  Aqui também podemos encontrar à venda produtos tipicamente portugueses, como as famosas andorinhas da Bordalo Pinheiro, entre outros produtos. 

No ar sente-se sempre a pairar doces aromas, e os bolos são divinais, realço a tarte de queijo com abóbora e nozes. Hummm, de comer e chorar por mais.

Atrevo-me a dizer, que é o meu salão de chá preferido. E vocês têm algum preferido?

publicado por oceanosemfundo às 09:00

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Cheira a Paris no coração...

. Uma tarde de Inverno

.arquivos

.favorito

. O Natal já foi...

. Filmes de Natal

. Natal é....

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds